quinta-feira, 8 de janeiro de 2009

A Vida

"Recomeça...Se puderes,
Sem angústia e sem pressa.
E os passos que deres,
Nesse caminho duro
Do futuro,
Dá-os em liberdade.
Enquanto não alcances
Não descanses.
De nenhum fruto queiras só metade.
E, nunca saciado,
Vai colhendo
Ilusões sucessivas no pomar.
Sempre a sonhar
E vendo,
Acordado,
O logro da aventura.
És homem, não te esqueças!
Só é tua a loucura
Onde, com lucidez, te reconheças."
Miguel Torga

Etiquetas:

3 Comentários:

Blogger Caracoleta disse...

Lindo, lindo, lindo... Mas a Fátima leu-me o pensamento?.. Ainda ontem percorria os poemas deste Homem... tão delicioso que quase dói... e mesmo há pouco, lia outro dele aos meus filhos, antes de suavemente adormecerem junto a mim...
Obrigada!

8 de janeiro de 2009 às 15:23  
Anonymous Juja disse...

Não perder na vida o sentido da luta. Fazê-lo ao nosso jeito mesmo que o caminho tenha abrolhos. Privilegiar a nossa razão mesmo se contestada. O que para outros é loucura pode ser a chancela da nossa verdade.

Mensagem maravilhosa que nos transmite neste início de ano, pelas palavras do poeta. Mas não menos difícil de praticar, sem esquecer o respeito pelos outros, num mundo onde impera o egoísmo!
Continue a trazer-nos belos temas de reflexão.
Um beijinho.

10 de janeiro de 2009 às 09:03  
Blogger Carolina disse...

Mesmo forte e belo!
;)

14 de janeiro de 2009 às 10:02  

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial

BlogArchive Blog Feed Cabeçalho HTML SingleImage LinkList Lista Logotipo BlogProfile Navbar VideoBar NewsBar