quinta-feira, 12 de junho de 2008

Tenho Dias


Tenho dias.
Tenho dias em que acredito nos Anjos. Parece-me que a vida, afinal, é sorridente e me dá tanto. O sol. O mar. O pôr-do-sol. As flores dos meus canteiros. O focinho sempre húmido do meu cão. A minha casa cheia de frescura. As sestas depois de almoço. A rega ao fim do dia. Os livros que leio. As conversas que tenho. O sorriso de um velho vizinho. A comida no prato. A casa varrida. O sol que bate na roupa estendida. As compras do quotidiano. Os olhares e os encontros. O café aromático e quentinho. O sono mesmo que intraquilo... Só os Anjos podem facilitar um mundo assim...

Tenho dias em que não acredito nos Anjos. Parece-me que a vida me chora. Perco-me no meu umbigo. Lamentos e uivos. Revolta e angústia. Perdas e danos. Aperta-me a solidão. Nervos de medo afogam-me o coração. Sinto-me desconfortável. Perco as forças. Perco-me dentro de mim.
Tenho dias de confusão. A vida baralha-se-me. Esqueço-me de agradecer a dádiva de respirar.
Tenho dias...

Etiquetas:

0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial

BlogArchive Blog Feed Cabeçalho HTML SingleImage LinkList Lista Logotipo BlogProfile Navbar VideoBar NewsBar