quarta-feira, 10 de março de 2010

Recompensa

«Sonho por vezes que, quando o dia do juízo chegar e os grandes conquistadores, advogados e estadistas vierem receber as suas recompensas – coroas, louros, nomes gravados indelevelmente em mármore imperecível -, o Todo-Poderoso se voltará para S. Pedro e dirá, não sem uma certa inveja, quando nos vir chegar com os nossos livros debaixo dos braços: — Olhai, estes não precisam de recompensa. Nada temos para lhes dar. Eles amaram a leitura ."
Virginia Woolf

Etiquetas:

2 Comentários:

Blogger O céu da Céu disse...

Esta foi sem dúvida uma boa recompensa...ter encontrado "Banalidades"!
Há dias que tenho andado afastada do computador (cansaço e falta de tempo)mas com saudade.Mas para a leitura ficam sempre uns minutinhos...sou do tempo em que acreditava"Isto deve ser verdade porque está escrito".Um abracinho

13 de março de 2010 às 14:21  
Blogger Banalidades disse...

Que bom ter regressado, Céu!
Faz sempre bem alimentar-se de leituras!
Agora, os jovens consideram a leitura fastidiosa e desnecessária... Estão tão enganados. Não terão recompensa...

14 de março de 2010 às 09:40  

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial

BlogArchive Blog Feed Cabeçalho HTML SingleImage LinkList Lista Logotipo BlogProfile Navbar VideoBar NewsBar